Depoimento do nosso faixa vermelha e preta – Joaquim Miró

30/08/20190
1200-blog-1.png
Joaquim é o segundo à esquerda 

 

Hoje teremos um conteúdo diferente, fizemos algumas perguntas para o nosso aluno Joaquim Miró Junior sobre as experiências, mudanças e ensinamentos que ele teve e está tendo com o Taekwondo. Para incentivar, nada melhor do que ter um relato verdadeiro, não é?

O Sr. Miró tem 18 anos e começou a treinar Taekwondo com a gente aos 14 anos, hoje ele já é faixa vermelha e preta e em mais um ano, ele alcança a faixa preta. Depois desse breve resumo, vamos para as perguntas e respostas que ele nos deu!

 

O que o TKD mudou na sua vida?
JM:
A disciplina que o Taekwondo me deu, não tem como descrever. Eu posso pegar exemplos de pessoal que treinava comigo quando eu tinha 14/15 anos e em termos eu era bem pentelho, eu gostava de brincar nas aulas e nunca levava muito a sério. O Taekwondo me mostrou que a vida tem que ser levada a sério e nada melhor que a disciplina que eles fornecem para a gente para atingir nossos objetivos. Eu comecei a perceber isso quando eu tinha 16 anos, foi a época que eu tive mais maturidade para entender toda a filosofia do Taekwondo.

O Taekwondo mudou minha vida no quesito de levar a vida mais a sério, comecei a me dedicar melhor na escola. Quando eu tinha 17 anos, no cursinho, foi uma peça fundamental para eu ter passado na federal. Assim, apesar de não ter nada a ver, taekwondo e esportes normalmente não tem nada a ver, mas a disciplina que eles dão para você ir lá e fazer o que tem que fazer, isso realmente é uma coisa que eu vou levar para a minha vida inteira. Eu recomendaria o Taekwondo para qualquer um, inclusive quando eu ficar mais velho, pretendo ter filhos, quero colocar os meus filhos no Taekwondo ou em qualquer outra arte marcial que tenha a mesma filosofia do Taekwondo, justamente para eles serem pessoas grandes.

 

O que faz da vida atualmente?
JM:
Atualmente eu faço faculdade de Direito na PUC de manhã, estágio no escritório de advocacia do meu pai à tarde e à noite eu faço faculdade de Economia na Federal.

 

O que aprendeu com o TKD que recomenda para os demais?
JM:
Mesmo fazendo duas faculdades e mesmo trabalhando na parte da tarde, eu ainda estou fazendo Taekwondo porque é uma peça fundamental para eu conseguir atingir meus objetivos. Além de ter proporcionado toda disciplina que eu criei quando era nível 2 e nível 3, eu ainda preciso muito do Taekwondo por ser muito importante para a minha vida, para me deixar com disciplina emocional e inteligência emocional para conseguir fazer duas faculdades e trabalhar.

 

Vai ser faixa preta?

Com certeza, COM CERTEZA eu vou ser faixa preta! Claro que antigamente eu treinava muito mais, teve uma época que eu treinava todos os dias, mas quando começou a vir essa rotina eu tive que parar. Mas ainda assim eu faço três vezes por semana, aulas todos os sábados com raras exceções que eu não vou. E eu recomendo para qualquer pessoa que realmente tenha aquela garra de querer atingir as suas metas e objetivos, eu realmente recomendo o Taekwondo porque realmente mudou minha vida de um jeito que não dá para imaginar. Quando eu me olho a 3/4 anos atrás eu não consigo me identificar mais e tudo isso foi graças ao Taekwondo.

 

Gostou do texto? Está em busca dessas mudanças? Quer fazer parte da nossa turma? Visite a gente e conheça mais sobre o Taekwondo!


Responder

Your email address will not be published. Required fields are marked *


WhatsApp chat